A indústria automobilística não para de fornecer inovações quanto aos tipos de motores de carros. Para diferenciar o serviço da sua oficina mecânica, é preciso também manter-se atualizado sobre as diferentes características dos modelos.

Praticar esse estudo com a sua equipe permite oferecer um serviço mais sofisticado e diferenciado aos clientes que procuram seu negócio. O segredo é estar um passo à frente da concorrência.

Pensando nisso, vamos abordar neste artigo as principais características dos mais variados modelos de motores de acordo com sua potência. Fique conosco!

Motor 1.0

A potência dos motores tende a ser definida pelo tamanho do equipamento. Quanto maior e mais complexo, maior a potência. Nessa linha, motores 1.0 são encontrados nos carros mais populares e acessíveis. Apresentam características, funcionalidades e peças mais simples. São eles também os mais econômicos, por exigirem menos dos seus componentes.

Motor 1.4

Entre todos os tipos de motores de carros presentes no mercado, os 1.4 representam um singelo salto de potência diante dos 1.0, sem perder muito a característica de economia de combustível.

A manutenção também pode ser mais acessível, e esses modelos representam um certo equilíbrio no dia a dia, por serem menos complexos, mas permitirem alguns luxos que estão diretamente ligados à potência do motor, como o uso do ar-condicionado,

Motor 1.6

O cliente que faz uso de um carro 1.6, certamente, faz questão de um certo padrão de potência e deve ser informado da necessidade de revisão constante. Esse tipo de motor foi criado devido ao constante aumento do número de cilindradas dos veículos que saem de fábrica.

Embora esse tipo de carro proporcione menos trocas de marchas, é preciso estar sempre atento à necessidade que um pouco mais de potência pode exigir da saúde do componente automotivo.

Motor 1.8

É importante a associação de motores 1.8 a carros esportivos e de porte maior. Nesse caso, o dono de oficina e seus colaboradores podem mapear a quantidade de serviço desse modelo entre os tipos de motores de carros. Isso porque, ao contar com a noção de que se trata de um carro que exige mais potência, é possível também antecipar outros cuidados que veículos mais robustos podem exigir.

Lembre-se de que os motoristas desses tipos de veículos podem estar interessados em viagens longas e que diversos cuidados sobre a manutenção preventiva podem ser oferecidos e incluídos na ordem de serviço.

Motor 2.0

Não que pare por aí, mas, na vasta maioria das oficinas, o motor 2.0 deve ser o maior desafio em termos de potência. As suas 2000 cilindradas oferecem um maior desempenho, mas também precisam de manutenção recorrente e maior consumo de combustível.

Para os clientes que necessitam desse tipo de potência, é possível oferecer a eles produtos premium e mais robustos para o trato com o veículo, bem como deixá-los informados sobre a necessidade de comparecer à sua oficina para revisões mais frequentes, de modo a conservar a potência sempre no ápice.

Como você deve ter percebido, parte de reconhecer o equipamento entre os diversos tipos de motores de carros significa compreender a necessidade individual do seu cliente. É possível mapear, com essa informação, necessidades mais ou menos frequentes de revisão e manutenção preventiva, além de quais produtos você pode disponibilizar na loja a fim de satisfazer as demandas dos diferentes perfis de consumidores.

Este artigo lhe foi útil? Para saber mais sobre o dia a dia da oficina e nossos serviços, curta a nossa página no Facebook. Até mais!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *