fbpx

5 dicas para oferecer o serviço de alinhamento e balanceamento na oficina

alinhamento e balanceamento

Apresentar para o seu cliente um grande leque de serviços, concentrando o maior número em um só estabelecimento, é uma atitude que qualquer oficina deveria considerar seriamente. Ali, perto do topo da lista, está o serviço de alinhamento e balanceamento.

Além de oferecer esses serviços, é preciso saber apresentá-los e, por fim, vendê-los. O alinhamento e o balanceamento, por exemplo, podem ter várias abordagens, com o objetivo de que as informações necessárias cheguem ao seu cliente.

Quer saber mais? Neste post, separamos 5 dicas para oferecer o serviço de alinhamento e balanceamento ao seu público. Acompanhe!

1. Ofereça a melhor oferta ao seu cliente

A honestidade é um princípio básico de todo atendimento ao cliente. Com o serviço de oficina mecânica, não é diferente. Opte por oferecer a quem frequenta o seu estabelecimento sempre aquilo que o beneficie e que caiba no bolso.

Além disso, deixe seu cliente sempre por das condições. Experimente dizer a ele o tempo útil das peças e ofereça manutenção preventiva, além da troca de pneus, alinhamento e balanceamento — o que deve ser feito a cada 10 mil km. Estude o caso do seu cliente e tente oferecer a ele serviços em conjunto. Ofereça também algum desconto por isso. Essa pode ser uma boa estratégia de fidelização.

2. Preze pela qualidade e mantenha o cliente informado

Para garantir a credibilidade do seu negócio e da sua marca, é preciso estar atento para que sua equipe libere o serviço de alinhamento e balanceamento perfeito. Também é interessante verificar a suspensão do veículo e oferecer outros serviços atrelados, como a troca de óleo e das peças.

Uma dica importante é sempre deixar o cliente informado sobre as necessidades do seu automóvel. Fazer isso antes de tentar fechar a venda é, sem dúvidas, o melhor caminho para conseguir a confiança do consumidor.

3. Aposte em uma nova abordagem

Um cadastro de clientes eficiente é essencial nesse momento. Pense que, tendo a posse das informações de contato do seu cliente, além de relatórios de serviço, é possível calcular e antecipar as datas de manutenção preventiva, a troca de peças e óleo etc.

Lembre-se de que todo cliente quer pagar o menos possível por um serviço de qualidade. Assim, mande mensagens com lembretes e deixe claro que a prevenção é a melhor forma de economia. Dessa maneria, você garantirá o retorno e a satisfação da sua clientela.

4. Use a tecnologia a seu favor

Para tratar da organização dos seus serviços, o dono de oficina mecânica pode contar com a ajuda da tecnologia, trazendo para o seu estabelecimento um sistema de gestão.

Existem softwares no mercado preparados para auxiliar o empreendedor a ter informações sobre cadastros de clientes, ordem de serviço e dados diários da oficina. A utilização dessas ferramentas é uma mão na roda para quem precisa informar a todo o momento o cliente sobre a hora de voltar.

5. Invista em serviços extras

Além dos serviços básicos, como a troca de óleo, o alinhamento e o balanceamento do veículo, o dono do negócio pode investir em serviços adicionais. Alguns exemplos:

  • organize promoções para a manutenção preventiva;
  • na troca de óleo, ofereça os filtros em um pacote promocional;
  • disponibilize a lavagem a seco ecológica para que seu cliente possa fazer tudo em só lugar.

Como você deve ter percebido neste artigo, o serviço de alinhamento e balanceamento é um dos mais importantes de uma oficina, mas não deve vir sozinho. Por isso, aposte nas nossas dicas e garanta o sucesso do seu estabelecimento!

Gostou do texto? Tem mais alguma dúvida sobre o assunto? Então, entre em contato conosco para mais informações. Será um prazer ajudá-lo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *